30 de nov de 2016

FRIENDZONE

Ela me olha nos olhos e toda a vez eu sinto o mesmo.
Eu tento muito, todos os dias, não pensar nela assim.
Ela é minha amiga mais próxima.
Por que DIABOS então eu me sinto apaixonado por ela desse jeito?
Conheço de olhos fechados o passo-à-passo de como fazê-la sorrir e abuso dessa sabedoria. Eu amo aquele som.
Ela possue o dom de pronunciar palavras e realizar feitos que me fazem, muitas vezes, sair de mim mesmo.
Não quero perder a razão e confindir meu coração.
Eu só queria achar um jeito, uma saída, uma rota de fuga dessa possível loucura.
Ela me faz tão bem, e quem dera se tudo fosse diferente...
Mas aí então, me pego com medo.
Medo de perdê-la.
De tudo que eu venho guardando por todo esse tempo se exponha e ela fuja de mim.
Não, eu não quero, não aceito isso.
Queria ter um meio de pelo menos saber se só eu me sinto assim.
Como perguntar o imperguntável?
Eu odiaria mudar o que temos.
Se houvesse chance...


Creio que o imporatnte eu sei: Ela me faz forte, ela é minha AMIGA. Mas eu a amo.