8 de ago de 2015

Ela

Não entendo bem o motivo, mas a canção "Here without you" sempre me tocou de um jeito especial. Antes mesmo de saber o que significava aquelas palavras ditas em outro idioma. Assim como as mentiras que eu empilhava para cobrir quem eu era, essas mentiras criaram um outro idioma para me definir.
Basicamente a canção fala sobre estar aqui, sem "ela". Mas quem é ela? Quem é esse rosto embaçado nos meus sonhos? Que sempre corre na direção contrária quando começo a definir seus traços?
Ela me olha de um jeito que me deixa completamente vulnerável. Como se soubesse tudo o que se passa aqui dentro, dentro de mim. E por mais que nos meus sonhos eu desconfie de tudo e de todos, e seja silêncio com eles, a ela digo tudo, só com o olhar. Com ela eu sou olhar, sou sorriso. Sou o que desconheço, sou o que não me permito ser ou ter. Ela segura minha mão, olha pra mim e sorri, da forma mais linda possível, e ainda não consigo ver seu rosto por inteiro.
 Quem é você? Nunca vi tanta beleza... E por que sempre foge de mim? Por que não me deixa chegar perto? Do que você tem medo? - ela olha para baixo, sorri, ainda gentil, e como se a resposta estivesse bem na minha frente e só eu não conseguisse ver. Um tempo depois, pergunta:
 Acha que sou linda?
 Tenho certeza que nunca vi alguém tão belo. - ela ri de novo.
 Por que está rindo? - pergunto confusa.
 É que é engraçado você dizer que sou linda.
 E por que seria? É a verdade.
 Posso mesmo responder?
 Deve. Essa noite somos só você e eu. - digo sincera.
— Você tem razão. Essa noite somos só você e eu, assim como tem sido todas as noites desde que resolveu me deixar aqui dentro. Coberta de todas mentiras que conta lá fora. Diz que sou linda, então por que me aprisionar? Eu é quem devo te perguntar, por que sempre foge de mim? Por que não me deixa chegar perto? Do que você tem medo? Sabe o porquê de não ver meu rosto? Porque você se nega a ver que meu rosto é o mesmo que o seu! Me deixa longe enquanto inventa um outro rosto de nós lá fora. Mas toda distância que nos separa desaparece quando sonha comigo, com você, conosco. Você se sente bem quando está aqui, não é? Quando somos só você e eu? Quando vamos ser felizes lá fora? Quando vai perceber que és linda? Que não precisa ter medo de ser ou ter? Quando seremos sorriso lá fora também? "Here without here" te tocou porque você não pensou, não sabia o que significava, você só sentiu. Como me sente aqui, mas não demonstra lá fora, porque acha que sabe nossa tradução. Mas não sabe! 
 Meus sonhos com você são os melhores...
 Achou os sonhos bons? É porque ainda não viu a vida! Vamos? Você e eu contra o mundo?! Não só nas noites, mas nos dias. Por toda uma vida. Por nós. Pelo nosso rosto, por nossa identidade, por nossa felicidade. It's only you and me.