3 de mar de 2013

Hoje não


Eu sinto muito, mas hoje não!
Não é a hora.
Não é o momento.
Isso quem decide sou eu!
Morro quando quiser!
Morro, se, se eu quiser.
E eu não quero isso agora.
Tenho muito o que fazer ainda.
Muito o que viver, experimentar.
Muito a causar e resolver.
Então, sinto muito minha cara amiga.
Mas você não vai me levar hoje.
Não vou deixar quem amo e quem me ama.
Morte, saia daqui, não tem chances comigo.
ainda mais junto ao meu amor, familiares e amigos.
Volte outro dia, outro momento.
Volte quando eu te chamar.
E em minha ultima dança será meu par ...